Confira quais carros mais e menos desvalorizam após um ano de uso

Onix Lollapalooza 9

Muitos quem vão comprar um carro 0 km, ou até mesmo usado pensam na hora de revender. Por isso, as pessoas gostam de comprar carros que não vão perder tanto dinheiro lá na frente.

De acordo com um levantamento da Auto Informe, alguns modelos desvalorizam mais que os outros após um ano de uso.

Para se ter uma ideia, o modelo mais vendido no Brasil para uso particular, o Onix é o veículo que menos desvaloriza (7,6%), já o JAC J6 é o carro que mais da prejuízo para o proprietário na hora de revender (-23,1%).

JAC J6 16

Seguindo uma lógica bem simples, os carros com o menor índice de desvalorização são os mais vendidos, e os que mais perder valor agregado são os que menos vendem.

Confira abaixo os carros que mais e menos perdem valor após um ano de uso:

Menos desvalorizados

1) Onix = -7,6%

2) HB20 = -8,0%

3) Fiesta = -8,1%

4) Sandero = -8,1%

5) Up! = -8,3%

6) Palio/Punto = -8,4%

7) Etios = -8,5%

8) Fox = -8,8%

9) Ka = -8,9%

10) Gol = -9,0%

11) HB20S = -9,1%

12) 208 = -9,4%

13) Uno = -9,5%

14) Strada = -9,6%

15) C3 = -9,7%

16) Ka+ = -9,9%

17) Golf = -10,0%

18) Prisma/Etios Sedan = -10,2%

19) Saveiro = -10,3%

20) Voyage = -10,5%

21) Celta/Logan = -10,7%

22) Agile/March/Siena = -10,9%

23) Montana = -11,0%

24) Fit = -11,1%

25) Classic/Hilux = -11,2%

Mais desvalorizados

1) J6 = -23,1%

2) EC7 = -21,8%

3) J2 = -21,7%

4) J3 Turin = -21,6%

5) J5 = -21,4%

6) C4 Picasso = -20,9%

7) J3 = -20,2%

8) Optima = -19,8%

9) Altima = -18,8%

10) GC2 = -18,7%

11) Tiggo = -17,5%

12) Forester = -17,4%

13) LF530/Sorento = -17,0%

14) Lancer = -16,9%

15) 408 = -16,5%

16) Linea/GLA/X60 = -15,9%

17) T8/XC60 = -15,8%

18) Tucson/RR Sport = -15,6%

19) V40/C4 Lounge = – 15,5%

20) Picanto = -15,4%

21) Soul/Discovery = -15,3%

22) Classe C = -15,2%

23) QQ = -15,1%

24) Bravo/Classe B/Passat/CLA/Pajero/Cherokee = -15,0%

25) A4 = -14,9%

Sobre o autor: Renato Maia

 

Jornalista, Renato Maia é apaixonado por carros e tecnologia. Nascido no ABC paulista, ele respirou o ar das grandes montadoras que atuam na região, como Volkswagen, Chevrolet, Ford e Mercedes, que fazia o garoto de São Bernardo se encantar por automóveis. Logo a vontade de juntar o jornalismo e carros foram se aproximando, e em 2011 ele criou o Falando de Carro.

 

Últimas notícias sobre Mercado

 
 

Add a comment

required

required

optional


 
 
Image and video hosting by TinyPic
 
 

Vídeos

 
 
 
 

Últimas Avaliações